Livro de poemas traz reflexão 

sobre conflitos do ser humano

 

 

Reflexivo, imaginário e libertador. Esses são os sentimentos que a escritora Alexandra Vieira de Almeida deseja instigar nos leitores com o livro de poemas Oferta. Lançado em segunda edição, pela Editora Penalux, a obra reúne temas que podem ser considerados conflitantes, como, por exemplo, o amor, o erotismo, a poesia reflexiva e filosófica e a prosa poética de temática social, beirando o limite entre poesia e prosa.

 

Para a autora, o livro solta as vozes sábias do fazer poético e cria um espaço em que literatura e leitura se conjugam em toda sua essência. Alexandra classifica sua obra como presente da escrita do poeta para o mundo, como um voo imaginativo, salientando o aspecto libertário neste jogo que leva os leitores a refletirem sobre as questões do mundo.

 

- Caso pudesse extrair uma essência do livro, ou do título, e fosse representá-la com formas ou símbolos, pensaria na imagem do livro, onde estão as palavras que saem do seu interior e a figura de um pássaro com suas asas a nos levar aos voos da imaginação - comenta.

 

O prefácio é assinado pelo poeta, contista e crítico literário Luiz Otávio Oliani. Para ele, Alexandra "percorre três linhas básicas". A primeira delas é a união entre poesia e prosa. Depois, cita a verve pictórica da poeta, lembrando o cinema. Por fim, o viés filosófico que se encontra no livro de poemas singular.

 

A contista Maria Joana Rodrigues Colin, responsável pelas orelhas do livro, diz que a poesia da autora faz com que a pessoa reflita de maneira profunda nos sentimentos. "Quando se vai a um poço não é o entorno, e sim o que existe no seu interior. É desse modo que o leitor vai se sentir ao ler o livro".

 

Sobre a autora

Alexandra Vieira de Almeida é professora, poeta, contista, cronista, resenhista e ensaísta, além de ser Doutora em Literatura Comparada pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Publicou seis livros de poesia adulta, sendo o primeiro 40 poemas e o mais recente A negra cor das palavras. Também tem um livro ensaístico, Literatura, mito e identidade nacional (2008), e um infantil, para crianças de 6 a 10 anos, Xandrinha em: o jardim aberto (Penalux, 2017).

 

Autora: Alexandra Vieira de Almeida 

Páginas: 62 

Ano: 2020 

Preço: R$ R$38,00 

Gênero: Poesia 

Link para comprar: https://www.editorapenalux.com.br/catalogo-titulo/oferta  


Fonte: assessoria de imprensa

Leia Mais ►

Continue lendo...

 Dez anos do rock’n’roll em fotografias 

nunca antes publicadas em livro

O livro mais importante sobre rock lançado este ano no mundo 

é publicado no Brasil pela Editora Belas Letras

Quem nunca ficou imaginando o que acontece nos bastidores das bandas mais lendárias da história?

O fotógrafo mais importante da cena do rock mundial reuniu todo seu trabalho no livro A Década do Rock e você vai acompanhar tudo que rolou não só nos bastidores dos shows, mas também durante as viagens ao redor do mundo com KISS, Mötley Crüe, Megadeth, Eddie Van Halen, AC/DC, Guns N' Roses, Lita Ford, Debbie Harry, Iron Maiden, Rob Halford, Ozzy Osbourne, Bon Jovi, Alice Cooper e Slash, só para citar algumas bandas fotografas na intimidade por Mark Weiss.

Esse cara não só fotografou as bandas. Ele VIAJOU JUNTO com elas. Ele dormiu nos mesmos HOTÉIS e frequentou os mesmos CAMARINS com elas. Ele era o cara que os rockstars conhecem pelo nome e chamavam antes e depois do show para serem fotografados. Ele BEBEU COM os caras, FUMOU e registrou esses momentos. Definitivamente, Mark Weiss foi um rockstar de câmera na mão.

Este não é um livro como todos os outros porque essa criatura tem mais de três vezes o tamanho de um livro padrão (a Editora Belas Letras teve que mandar fazer uma embalagem só para ela), pesa quase o mesmo que algumas guitarras (quem sabe também serão contratados roadies ao invés dos entregadores normais, que precisarão manobrar pra entrar na sua casa como aqueles instaladores de móveis), tem mais de SETECENTAS fotografias coloridas impressas em 400 páginas em papel especialíssimo (seria o papel que qualquer rockstar exigiria se viesse fazer show no Brasil), capa dura e sobrecapa. Não é um livro, não. Uma obra de arte? Uma relíquia? Ajuda aí a dizer o que é esse monstro!

Além das fotos, o livro (que não é só um livro) tem prefácio de Rob Halford, entrevistas exclusivas com os artistas e histórias nunca antes contadas.

Com exclusividade na Belas Letras você leva esse monumento com um KIT ESPECIAL, DESCONTO DA ROCK FRIDAY e FRETE GRÁTIS! A tiragem é limitada, depois não vai chorar porque perdeu o show, hein!

O Kit A Década do Rock contém 1 livro (que não é livro) + 10 cartões postais com fotos das bandas pra mandar para aqueles amigos que não conseguiram comprar a tempo nesta promo + 5 marcadores de páginas personalizados + 1 pôster com foto exclusiva tributo a Eddie Van Halen + descontão de Black Friday: de R$ 349,90 por R$ 199,90 em 3 vezes e com frete grátis.

O kit exclusivo fica disponível apenas enquanto durar o estoque. Esta é uma pré-venda, ou seja, uma venda por encomenda. ATENÇÃO: OS ENVIOS COMEÇAM APENAS DIA 30 DE NOVEMBRO!

Kit A década do rock – A fotografia de Mark “Weissguy” Weiss

Mark Weiss

Tradução: Marcelo Hauck

Editora: Belas Letras

378 páginas / Peso 2,5 kg (aproximado)

Preço de capa: R$ 349,90


Fonte: assessoria de imprensa 

Leia Mais ►

Continue lendo...

 Livro "O Almofariz de Deméter" traz a cozinha e a mesa como territórios de invenção de afetos e prazeres

Capa - O Almofariz de Deméter

O jornalista e escritor José Guilherme Rodrigues Ferreira está de volta com “O Almofariz de Deméter – Breve geografia de vinhos, afeições, alimentos e apetites”. O título, que sai pela editora Tapioca, reúne 48 crônicas que tratam a tarefa de comer – e sobreviver – em diferentes locais e períodos históricos.

Neste trabalho o autor radicaliza sua “escrita de conexões culturais” iniciadas em “Vinhos no Mar Azul – viagens enogastronômicas”, valendo-se do muito que leu, bebeu e comeu (não necessariamente nessa ordem). Depois de escrever com todas as letras que “a melhor garrafa de vinho é a garrafa de vinho aberta”, José Guilherme parte para crônicas de comida, criando narrativas que ligam experiências e culturas com saltos no tempo e no espaço.

A leitura pode levar da mesa um tanto frugal de Napoleão às listas de ingredientes especiais do grego Archestratus. Dos sabores da hospitalidade dos heróis de Homero à cesta de “comida mexicana amorosa” preparada por Frida Khalo para Diego Rivera. Do claret dos poetas românticos ingleses ao cauim dos tupinambás. Dos lagostins das festas de Uppsala, na Suécia, ao hambúrguer pop de Andy Warhol, nos Estados Unidos.

A obra destaca, especialmente, os momentos onde a cozinha e a mesa são territórios de prazer e de invenção de afetos. A apresentação do livro, escrita por Roberto Taddei, inclusive, tem o título de “Um romance à mesa”, assinalando uma evidente relação entre os textos, chamados de “cantos gastronômicos”.

 

O Almofariz de Deméter

Breve geografia de vinhos, afeições, alimentos e apetites

Autor: José Guilherme Rodrigues Ferreira

Editora: Tapioca

Preço livro Impresso: R$ 69.90

Preço e-book  : R$ 49,90

Informações : contatoeditorial@pioneiraeditorial.com.br

 

Sobre o Autor

José Guilherme Rodrigues Ferreira é jornalista e escritor. Integrou equipes em redações de alguns dos principais veículos de comunicação do País. É autor de Vinhos no Mar Azul – viagens enogastronômicas (Editora Terceiro Nome), premiado em 2009 com o Gourmand World Cookbook Awards, instituído na França. 

 Fonte: assessoria de imprensa 

Título conecta a tarefa de comer em vários tempos históricos e espaços geográficos com uma viagem que leva da mesa frugal de Napoleão ao hambúrguer pop de Andy Warhol



Leia Mais ►

Continue lendo...

 Bom Dia e Mau Dia: os conselheiros de Gustavo

Duas versões em miniatura do protagonista de "Os Minúsculos" conversam com o público infantil sobre racismo, bullying escolar e temas urgentes na coleção da escritora mestre em Teoria Literária Cléo Busatto


Em Os Minúsculos, Cléo Busatto apresenta aos jovens leitores duas criaturas minúsculas que acompanham o protagonista Gustavo em todo o lugar que ele vá. Eles representam, na verdade, dois lados do personagem no auge dos seus nove anos: ora raivoso, ora mais sonhador.

Após conhecer “os-dois-de-mim” em O Encontro, primeiro livro da coleção, Gustavo passa a chamá-los de Bom Dia e Mau Dia. É a partir do diálogo com os Minúsculos que o garoto se conhece melhor e toma decisões mais ponderadas. Em cada volume, a escritora mestre em Teoria Literária toca em assuntos urgentes, como preconceito racial, violência no esporte, trabalho infantil, abandono na infância, bullying escolar, preconceito social, relação familiar e a descoberta da paixão.

As cinco obras ilustram a complexidade da alma humana e valorizam a formação da consciência pessoal a partir da reflexão de situações cotidianas. É assim que Os Minúsculos mostram à criança que é possível crescer livre de juízos equivocados e ser responsável pela construção de um mundo mais justo e equânime.

“Ele deu um tapinha no meu ombro, virou as costas e se foi. Voltou em poucos minutos me oferecendo uma garrafa de água. Bebi um gole e joguei o resto no meu rosto e na cara do Mau Dia.
Os Minúsculos se calaram.
Eu não esperava por essa reação do Divaldo. Ainda não tinha consciência de que a amizade não escolhe raça nem cor, ou melhor, que ela é feita de todas as raças e de todas as cores.
Nesse dia aprendi a olhar além daquilo que as pessoas aparentam ser. Aprendi a ver o coração delas. Bom Dia sorriu e descansou a cabecinha entre as mãos. Mau Dia ficou com cara de derrotado.
E foi assim que começou a minha grande aventura com os-dois-de-mim.”
(O Encontro, pág.28)

Com a ilustração de Verônica Fukuda, Gustavo ganha forma e compartilha os conselhos dos Minúsculos para que cada pequeno leitor também tome decisões mais sábias fora da literatura.


Patrocinada pela Lei Rouanet, com incentivo da Copel e apoio da Secretaria da Comunicação Social e da Cultura do Estado do Paraná, a série Os Minúsculos é desenvolvida a partir de uma linguagem ágil, baseada principalmente nos diálogos.

SOBRE O PROJETO: composto por duas ações. A primeira é a produção e distribuição da coleção – foram disponibilizados gratuitamente 840 exemplares da coleção às Bibliotecas Públicas do Paraná. Já a segunda é voltada para a realização de 18 palestras de formação de mediadores de leitura.  Em razão da pandemia, os encontros serão realizados virtualmente no mês de novembro com datas a serem divulgadas. As inscrições irão ocorrer no site https://cleobusatto.com.br/projeto/os-minusculos/

Ficha Técnica
Título: Coleção Os Minúsculos
Autor: Cléo Busatto
Editora: CLB Produções
Formato: 13 x  17,5 cm
Preço: R$ 50,00
Link de venda: www.cleobusatto.store


SOBRE A AUTORA: Cléo Busatto é uma artista da palavra. Tem 29 obras editadas, entre literatura para crianças e jovens, teóricos sobre oralidade e mídias digitais, que venderam aproximadamente 280 mil exemplares. Eles fazem parte de programas de leitura e catálogos internacionais, como o da Feira do Livro Infantil de Bolonha – Itália. Em 2016, A fofa do terceiro andar foi finalista ao Prêmio Jabuti, na categoria juvenil. Contou histórias para mais de 150 mil pessoas, no Brasil e exterior. Produziu e narrou histórias no meio digital, resultado de uma pesquisa que originou 5 mídias e 3 livros e, que foi o tema da sua dissertação de mestrado na UFSC.

 Redes Sociais:

Fonte: assessoria de imprensa
Leia Mais ►

Continue lendo...

 Ataques com ácido: os vestígios da violência contra a mulher impressos em lançamento ficcional

Crime hediondo é gancho do romance policial da protagonista Betina Zetser, jornalista investigativa que enfrenta traumas e ameaças quatro anos após denúncia de trabalho escravo no interior do Brasil


Vestígios é segundo volume da saga de Betina Zetser, protagonista da escritora e romancista Luciana de Gnone. O ataque com ácido, crime hediondo que frequentemente ganha as manchetes por todo o mundo, é o gancho da próxima matéria investigativa da jornalista.

Da realidade para a ficção, Luciana de Gnone alerta os leitores sobre os vestígios e sinais da violência contra a mulher a partir da história de vítimas que sofreram o ataque dentro da narrativa. Jackeline Fernández, por exemplo, é fundadora de uma organização que dá apoio às mulheres que foram atacadas. Vítima do crime, a personagem é uma das fontes de Betina para a investigação jornalística.

 “— O que quero dizer, Richard, é que não importa qual a cifra percentual dos ataques atuais. Estamos falando de vidas que são destruídas, vidas como a minha, a sua ou de qualquer pessoa que passe por uma situação como essa. Quero muito ajudar de alguma maneira a essas mulheres, quero entender o que está por trás desses ataques, quero ser útil para a sociedade. Esse é o nosso papel, pelo amor de Deus!
Ele não disse mais nada, apenas fez um gesto com as mãos para que me retirasse.
Estava muito decepcionada com sua indiferença. Não entendia como ele poderia reagir assim, tendo uma filha da mesma idade das vítimas da Tanzânia.”
(Vestígios, pág. 65)

Enquanto isso, Bruno, marido de Betina, enfrenta um inimigo do passado que retorna para perturbar a vida do casal. É com esse enredo que Luciana aprofunda a história do primeiro volume da saga, mas sem comprometer o entendimento de quem não leu o primeiro livro. Os pesadelos com Hermano, criminoso responsável por gerenciar trabalhadores escravizados, ganham força após a notícia de que ele está foragido.

Além da saga de Betina Zetser – o lançamento do terceiro e último volume previsto para dezembro de 2020, Luciana é autora de “Crimes em Copacabana”. Semanalmente novos capítulos da série são lançados no Wattpad. As narrativas, apesar de terem tramas diferentes, possuem a mesma protagonista e os crimes acontecem nos anos 1980 no bairro de Copacabana, Rio de Janeiro.

Ficha Técnica:
Título
: Vestígios
Autor: Luciana de Gnone
ISBN: 978-65-86069-56-3
Editor: Casa do Escritor
Páginas: 360
Tamanho: 14 x 21 cm
Preço: R$ 39,90
Link de venda: https://amzn.to/3pfQeLb

Sobre a autora: natural de Brasília, Luciana mudou-se aos cinco anos para a cidade do Rio de Janeiro, onde morou com a mãe e irmãs. Formou-se em Administração de Empresas, em 1997, e em 2001 concluiu a pós-graduação em Marketing pelo IBMEC/RJ. Por 15 anos trabalhou na área de comércio exterior em diferentes empresas. Em janeiro de 2009, embarcou em uma aventura familiar emocionante e foi morar no exterior. Viveu em diferentes países; Cazaquistão, Colômbia, México e, atualmente, na Costa Rica. Iniciou a carreira de romancista em 2014, quando lançou o primeiro romance policial “Súplica em Olhos Mortos”, traduzido também para o espanhol em 2018.


Fonte: assessoria de imprensa
Leia Mais ►

Continue lendo...

 “O Melhor Abraço do Mundo” 

mostra como o ato de abraçar pode transformar

 o mundo em um lugar melhor

Luluzinha e Jorge são os personagens que guiam o leitor nesta história cheia de sentimentos. 

Escrita por Luciene Balbino, a obra fala sobre conviver com as diferenças


O distanciamento social necessário para conter o avanço do novo coronavírus este ano fez com que o brasileiro tivesse de interromper um hábito muito comum por aqui: dar abraços. Coincidentemente, um livro lançado em janeiro traz como tema justamente essa calorosa demonstração de afeto.

“O Melhor Abraço do Mundo - Ser Diferente Faz Parte da Natureza Humana”, da editora D'Livros, é um livro infantil que fala sobre amizade, saudades e diferenças e mostra a importância do abraço. Já publicado aqui no Brasil, será também lançado em Portugal pela Editora Estúdio Didáctico ainda este ano.

Como personagens principais, a brasileira Luluzinha e o português Jorge. Os dois se conhecem na escola em que frequentam em Portugal. Ela negra, ele branco, convivem também com crianças de diferentes etnias e histórias de vida, com deficiência ou não.

O objetivo da escritora Luciene Balbino é mostrar como somos todos um único povo, formado por nossas diferenças e singularidades. Sem falar diretamente sobre preconceitos, ela mostra como o mundo seria melhor se as pessoas abraçassem mais a realidade do outro e respeitassem as diferentes vivências. 

“Ninguém é melhor que ninguém. Somos seres humanos que precisamos uns dos outros”, afirma a escritora. “A ideia do livro nasceu em Portugal. Eu estava no país, sozinha, sem família… e bate uma carência muito grande. É muito bom a gente poder abraçar. Agora estamos sentindo muita falta disso.”

O personagem Jorge sabe como um abraço é importante e, como não pode mudar o mundo de uma única vez, ele propõe uma campanha para que ele e seus colegas de classe se abracem mais. O que ele e Luluzinha gostariam mesmo é de mudar o nome do mundo para “Abraço”, mas como isso é impossível, o nome da sala de aula passou a ser esse.

“O que eu quis explorar nesse livro são os sentimentos. Já passou da hora de acabarmos com o preconceito, algo totalmente estrutural, criado pelo homem. Em nenhum momento os personagens apontam diferenças, eu quis preservar a pureza das crianças. Quem ensina os preconceitos para os pequenos são os próprios pais, a sociedade.” 


Saudade e o uso da internet

Em determinado momento do livro, os amigos têm de se separar, e Luciene aproveita para trabalhar o tema do uso da internet nos dias de hoje.

“Estamos em um mundo em que estamos cada vez menos humanos, sempre atrás de um computador, de um celular. Mas quando temos de dizer adeus a alguém que a gente gosta, que vai morar em outro país, a internet nos ajuda a diminuir distâncias.”

Novamente, as coincidências em relação à realidade do ano de 2020. Apesar da série de problemas que o uso exagerado das redes sociais e da própria internet podem proporcionar, é através de chamadas de vídeos que muitos netos podem conversar com segurança com seus avós durante a pandemia, por exemplo. Difícil encontrar alguém que não usou essa ferramenta nos últimos meses.  

“Hoje, com a Covid-19, muita gente teve de fazer isso, mas quando a gente puder estar junto, perto, vamos abraçar, ouvir o outro, ajudar o mundo a ser melhor. Pensemos, onde está o abraço hoje? Qual é seu melhor abraço do mundo?”


Sobre a autora :

Nascida em São Paulo, capital, Luciene Balbino é escritora, jornalista, dramaturga e conferencista. Atualmente, divide sua vida entre o Brasil e Portugal. Seu primeiro livro infantil, “O Sonho de Carolina”, foi publicado em 1997. Em 2008, lançou na 20ª Bienal do livro em São Paulo a obra “O Sonho de Cadu” pela mesma editora. Recentemente, a brasileira lançou também “Um driblador da vida: a história de Ryan, um menino que amava o futebol”, biografia sobre Ryan, um menino de 15 anos de idade que morreu vítima de complicações causadas pela Distrofia Muscular de Duchenne. Luciene já montou três peças de teatro em Portugal: Deus, que diabos tô fazendo aqui?;  Mulheres à beira do precipício e a peça Relação Abusiva.


Fonte: assessoria de imprensa 

Leia Mais ►

Continue lendo...

 “As Aventuras de Mike 2” 

chega às livrarias dia 01 de dezembro

Pré-venda do segundo livro de Gabriel Dearo e Manu Digilio

esgotou em 24 horas nas plataformas online



 

Depois do sucesso de As Aventuras de Mike, com mais de 85 mil exemplares vendidos no Brasil e Portugal, os youtubers Gabriel Dearo e Manu Digilio fecham o ano de 2020 com o tão esperadoAs Aventuras de Mike 2 – O Bebê Chegou!, que será lançado no dia 01 de dezembro, nas livrarias físicas, de todo o país.

 

A pré-venda da segunda obra foi aberta em outubro, nos principais sites da categoria e em apenas 24 horas já estava esgotada.

 

“A pré-venda normalmente tem duração de um mês e nossa expectativa era que os livros se esgotassem até lá, já tínhamos até nos planejado para os autógrafos destas tiragens”, revela Manu. “Quando soubemos que em apenas um dia eles esgotaram ficamos em choque! É uma alegria inexplicável! Agora nossa expectativa é ainda maior para o lançamento ”, comemora Dearo.

  

Em As Aventuras de Mike 2 – O bebê chegou, Mike é surpreendido com uma novidade dada pelos pais. Diferente de outros garotos de sua idade, que ganham um videogame ou um brinquedo novo, o menino vai ganhar um bebê chorão, ou melhor, um irmãozinho. Muita coisa muda com a notícia da chegada do bebê, principalmente a barriga da sua mãe, que pode explodir a qualquer momento. Mas Mike, Nando e a Priminha Irritante estão ansiosos para descobrir o que mais um bebê pode fazer (além de sujar a fralda a cada trinta minutos), rs.


Fonte: assessoria de imprensa

Leia Mais ►

Continue lendo...

 

livros para refletir sobre a questão racial no Brasil

Obras selecionadas pelo time do Clube de Autores abordam 

discussões sobre este tema tão necessário para a sociedade


 Além de ser um reconhecimento e homenagem à luta de Zumbi dos Palmares, um dos maiores líderes negros do Brasil, e seus companheiros no quilombo, o Dia da Consciência Negra, em 20 de Novembro, é uma data importante para refletir sobre as violências e desigualdades sociais que a população negra sofre até os dias de hoje.   O dia  é dedicado à reflexão sobre a inserção do negro na sociedade brasileira e a importância de falar sobre questões que ainda precisam ser resolvidas, como: racismo, discriminação e desigualdade social. E como forma de ajudar a trazer mais conhecimento ao tema, especialistas do Clube de Autores, maior plataforma de autopublicação da América Latina, selecionaram alguns livros. Confira:

 

1 - O Debate Nacional do Preconceito e da Discriminação, Conrado Luciano Baptista

Fundado em razões históricas, sociológicas e culturais, o preconceito é um fato na sociedade. Nesta obra, o autor apresenta uma ampla pesquisa sobre formas de materialização do preconceito e da discriminação, analisando dados estastíticos. E estuda a eficácia social dos objetivos fundamentais do Estado, elencados no artigo 3° da CRFB/1988, verificando se, de fato, é ou não eficaz socialmente, produzindo resultados e efeitos desejáveis.

O Debate Nacional do Preconceito e da Discriminação


2 - Branquitude, Música Rap e Educação. Compreenda de uma vez o racismo no Brasil a partir da visão de rappers brancos, Jorge Hilton

O autor, ativista e pesquisador negro, se aventura nesse território musical, expondo e analisando a tensão racial existente. A obra busca trazer reflexões sob diversos pontos de vistas. O que eles e elas pensam sobre relações raciais e racismo? A autodeclaração racial que fazem, condiz com seus olhares de como a sociedade os percebe racialmente? Quais suas visões sobre privilégio branco? Conclui discutindo o papel da educação racial na mudança de pensamentos e atitudes, educação pela abolição do racismo, como processo fomentador da alteridade, sociabilidade e respeito às diferenças.

Branquitude, Música Rap e Educação

3 - Relações Étnico-raciais Educação e Sociedade, John Land Carth

John Carth acompanhou de perto as transformações sociais e educacionais, vendo e vivendo próximo aos dilemas sociais. Nesta obra ele reúne textos que abordam a problemática da educação e da forma da sociedade brasileira em seus conflitos de ética e racismo, trazendo reflexões para entender melhor sobre as necessidades da sociedade neste momento. 

Relações Étnico-Raciais Educação e Sociedade

4 - Relações Étnico-Raciais e Diversidade Cultural, Organização: Bruno G Fellippe 

Trata-se de uma coletânea de artigos escritos por: Dulce Maria Pereira, Elaine dos Santos, Luciene Ribeiro da Silva e Regina Maria da Silva. As quatro professoras e pesquisadoras apresentam um pouco de seus estudos e pesquisas com referência às relaçõe étnico-raciais.

Relações Étnico-Raciais e Diversidade Cultural

5 - No Limiar das Raças: Sílvio Romero (1870-1914), Cícero João da Costa Filho

Se o homem surgiu num único centro, qual a razão para as diferenças? O que explica e como se explica que seres da mesma espécie ao longo da história se diferenciam de tal modo que se torna impossível encontrar o ponto de partida deste surgimento? São respostas para estas e outras tantas perguntas sobre racismo que esta obra traz. Uma importante discussão em torno deste assunto.

No Limiar das Raças



Sobre o Clube de Autores
Clube de Autores é a maior plataforma de autopublicação da América Latina. Hoje, a plataforma on demand, representa cerca de 27% de todos os livros publicados no Brasil. Além disso, oferece uma gama de serviços profissionais para os autores independentes que pretendem crescer e se desenvolver no mercado de literatura. A empresa, comandada por Ricardo Almeida, fechou o primeiro semestre de 2020 com uma rentabilidade 35% maior que no mesmo período do ano anterior. Além disso, registrou aumento de 40% em suas vendas.



Fonte: assessoria de imprensa
Leia Mais ►

Continue lendo...

 110 anos de Rachel de Queiroz:

‘Dôra, Doralina’ mostra-se atemporal como expressão da emancipação feminina

Livro que marca o retorno de Rachel de Queiroz ao gênero romance chega às livrarias dando continuidade ao novo projeto gráfico desenvolvido pela Ed. José Olympio para a obra da autora, que completa 110 anos em 2020. A editora prepara, ainda, novo projeto e lançamento de O memorial de Maria Moura para 2021

Após a publicação dessa obra, Rachel de Queiroz foi convidada a assumir a cadeira número 5 da Academia Brasileira de Letras, tornando-se assim a primeira mulher a fazer parte da instituição. Em 1993, recebeu o prêmio Camões. Em 2020, Rachel de Queiroz completaria 110 anos, com uma obra atual e atemporal.


Dando continuidade ao projeto de renovar o projeto gráfico da obra de Rachel de Queiroz e reafirmar sua importância para a literatura brasileira, a Editora José Olympio lança agora Dôra, Doralina, uma forma também de celebrar os 110 anos da autora, efeméride que reafirma as características atemporais de Queiroz que, em obras como essa, se mostra atual e relevante mesmo com o passer das décadas.

Dôra, Doralina, obra que marca a retomada de Rachel de Queiroz ao gênero romance, pode ser lido como expressão da emancipação feminina, na qual Dôra sai da condição de mulher submissa para conquistar a liberdade de ser o que desejar e levar a vida que quiser. Personagem fascinante, ela é um dos perfis femininos mais intensos da literatura brasileira.

O livro narra a história de Maria das Dores, viúva recente de um casamento de conveniência, que sai da sombra da mãe e de uma vida de submissão para viver em Fortaleza. Na capital do Ceará, Dôra torna-se atriz e passa a viajar pelo Brasil como integrante da trupe de uma Cia de teatro mambembe. Em determinada viagem conhece o Comandante, homem que desperta seu amor mais profundo e com quem se muda para Rio de Janeiro, abandonando o teatro. Após sua experiência com o amor que poucos têm coragem de viver, Dôra retorna para sua cidade natal, fechando o ciclo de vivências que a transformaram em outra mulher.


Sobre a autora:

Rachel de Queiroz nasceu em Fortaleza, em 1910. A autora fugiu da seca de 1915 com a família para o Rio de Janeiro, onde teve que permanecer em repouso por conta de uma doença nos pulmões, assim, escreveu seu primeiro livro mais conhecido: O Quinze, publicado em 1930. Foi também jornalista, tradutora e teatróloga.  Autora de destaque na ficção social nordestina, Rachel de Queiroz foi a primeira mulher escritora na Academia Brasileira de Letras, 1977, e também a primeira mulher vencedora do Prêmio Camões, 1993.  Faleceu em 2003.


Ficha técnica:

DÔRA, DORALINA

Rachel de Queiroz

Páginas: 432 | Preço: R$59,90

Editora José Olympio | Grupo Editorial Record


Fonte: assessoria de imprensa

Leia Mais ►

Continue lendo...

 Mil Pássaros de Papel


Mais uma vez, venha mergulhar no cotidiano do Colégio João Cabral de Melo Neto e na vida de seus estudantes. Dessa vez, você ficará próximo de Letícia, que passou por um baita susto – imagine ter um quase infarto antes dos 20 anos de idade? –, e de Makoto, que passou por outro tipo de situação... a da perda, e a tristeza que invadiu seu coração está ameaçando dominar seu corpo inteiro. Juntos, esses dois amigos vão descobrir o que significa viver, crescer e vencer os problemas que a vida apresenta, um passo de cada vez.


Editora do Brasil

Autor: Severino Rodrigues 

Ilustrações: Laerte Silvino



Fonte: assessoria de imprensa 

Leia Mais ►

Continue lendo...

 Diga oi ao homem invisível


Se você não consegue ver, será que não existe? E se você quase consegue ver, será que existe, mas é invisível? Neste livro, Manuel Filho e Ana Matsusaki brincam com o texto e imagem para explorar as aventuras de um homem que está quase sempre lá. Num jogo divertido de esconde-esconde entre o protagonista e os leitores, os autores falam da complexidades de se fazer amigos em um mundo onde se tem pressa para chegar e mais pressa ainda para sair. Será necessário ser muito rápido se quiser dizer oi a este homem invisível e, quem sabe, fazer um novo amigo.

Editora do Brasil 
Autor(es): Manuel Filho
Ilustrador(es): Ana Matsusaki
40 páginas


Fonte: assessoria de imprensa 
Leia Mais ►

Continue lendo...

 Um Belo dia

Você me conhece desde o dia em que nasceu - e os garotos João e Pedro, do Rio de Janeiro, também me conhecem. Quando eles se encontraram pela primeira vez - sob um calor daqueles, do qual me orgulho muito por irradiar -, percebi daqui de cima que essa seria uma história mágica dessas que duram por toda a vida. É sobre isso que "Um Belo Dia..." fala. 

Eu tenho a sorte dos meus amigos planetas e estrelas me acompanharem por muitos milhões de anos. é curioso acompanhar a vida de vocês ai na Terra - e sempre achei muito legal quem tem o dom de escrever, contar histórias e levar cultura e diversão para gente que nem conhece! Então eu escolhi esses dois meninos, que têm uma história muito bacana, para que vocês conheçam um pouco mais sobre a vida deles. 

Tudo começou na mente do autor Guilherme Semionato, que escreveu a história, e da Verediana Scarpelli, que desenhou ilustrações que eu mesmo, se quisesse, jamais faria tão bonitas. Daí o Guilherme achou legal que eu narrasse a história criada por ele, e então ela também se tornou um pouco minha. 

Quando Pedro contou a João que ia deixar o Rio para morar em Moscou, pensei aqui no meu núcleo que eu poderia ajudar esses meninos, que eu vi tanto irem a praia, ao futebol e a escola. Lá em Moscou eu não brilho tanto quanto gostaria e isso fazia o Pedro ter ainda mais saudade do calor do Brasil e do seu amigo João, que também estava desolado de saudades. 

E foi ai que eu resolvi ajudar os dois, com um plano que bolei com a Lua e uma estrela cadente que passava por aqui bem nessa hora em que João fez o seu pedido. E você vai descobrir o que aprontamos durante a leitura de "Um Belo Dia...",, essa história bonita que eu adorei narrar. Espero que minhas palavras tenham deixado você curioso!

Abs, eu sou o Sol!


Sinopse:

Mais do que uma história sobre a saudade e a amizade, Um belo dia... trata da importância de saber que há sempre alguém que nos quer bem e, de alguma forma, deseja fazer parte de nossa felicidade. Com texto de Guilherme Semionato e ilustrações de Veridiana Scarpelli, esse livro é uma aventura mágica vivida por dois amigos, um gato e um personagem inusitado e cheio de energia – o Sol, que não mede esforços para colaborar com o reencontro desses dois amigos.


Editora do Brasil 

Autor: Guilherme Semionato

Ilustrações: Veridiana Scarpelli

40 páginas


Fonte: assessoria de imprensa 

Leia Mais ►

Continue lendo...

 Sona 

Contos Africanos Desenhados Na Areia

Com desenhos complexos feitos na areia, o povo quioco, que habita uma região da África, repassa o conhecimento ancestral para os mais jovens e os ensina, assim, a amar histórias. Esses desenhos, além de extremamente elaborados, encantam a todos com sua beleza. Nesse livro, Rogério Andrade Barbosa e Thais Linhares trazem uma história de sabedoria e respeito aos mais velhos, prestando homenagem à tradição oral e aos costumes de um povo.  

Em Sona – Contos africanos desenhados na areia, o autor Rogério Andrade Barbosa, pesquisador de literatura africana, apresenta ao leitor essa arte de contar e ilustrar histórias na areia, passada de geração em geração. O livro, que tem formato vertical, apresenta alguns desses desenhos e a maneira como as crianças aprendem a utilizar a técnica e contar suas próprias experiências. Aliás, tal aprendizado une matemática à arte abstrata. Além disso, faz com que honrem suas tradições e respeitem os mais velhos de sua comunidade, os mestres ancestrais akwa kuta sona.


Autor: Rogério Andrade Barbosa

Ilustrações: Thais Linhares

Editora do Brasil 


Fonte: assessoria de imprensa 


Leia Mais ►

Continue lendo...

 Biblioteca comunitária leva leitura para 

250 crianças em Fernando de Noronha

Com patrocínio da Ball, o projeto Cantos de Leitura entrega espaço

 de literatura lúdico, com acervo de 1.200 livros

A Instituição de Educação Infantil Bem me Quer, na Vila do Trinta, em Fernando de Noronha, recebe sua primeira biblioteca comunitária no dia 04 de novembro. Um acervo de cerca de 1200 livros novos será disponibilizado aos estudantes da ilha no projeto Cantos de Leitura, uma realização da Rede Educare, com patrocínio da Ball, líder mundial em embalagens sustentáveis de alumínio, via Lei de Incentivo à Cultura, da Secretaria Especial da Cultura.

A inauguração acontece logo após a retomada das aulas na região e a cerimônia de abertura seguirá todos os protocolos de segurança sanitária. Será realizada a partir das 11h, com a participação da Superintendência de Educação, da Gestão da creche, além de representantes do projeto Mãe Coruja, da Rede Educare e Ball Corporation.

Cerca de 250 alunos de até cinco anos de idade serão beneficiados com o novo espaço, um passo importante para que crianças e educadores tenham acesso a um acervo diversificado e atual, reduzindo a distância entre livros e leitores.  

“Além do espaço colorido e amigável, o projeto propõe a formação e acompanhamento de mediadores de leitura – profissionais que contarão histórias para os estudantes. Fernando de Noronha é um dos lugares mais lindos do mundo e já é uma ilha de leitores: a nossa biblioteca vem então para ampliar acervos e levar mais de mil aventuras literárias para as crianças e suas famílias”, comemora Kátia Brasileiro, diretora da Rede Educare.

A importância dessa iniciativa é ainda mais latente diante do cenário brasileiro: segundo a pesquisa “Retratos da leitura no Brasil”, realizada pelo Instituto Pró-Livro em parceria com o Itaú Cultural, o Brasil perdeu cerca de 4,6 milhões de leitores entre 2015 e 2019. Os dados ainda apontam que apenas 52% dos brasileiros, pouco mais da metade da população, têm o hábito de ler.

A 13ª biblioteca inaugurada pela Ball chega à ilha respeitando protocolos de cuidados com a saúde: a sala estará aberta apenas para crianças que estejam em aulas e a entrada só é permitida com aferição de temperatura, aplicação de álcool em gel e uso de máscaras.

Além da doação de livros e ambientação do local, o espaço contará com uma capacitação para os 71 funcionários da Instituição de Educação Infantil Bem me Quer, que abordará os caminhos para a formação de leitores e orientações sobre melhor utilização do Cantos de Leitura.

A inauguração faz parte de uma série de iniciativas que a Ball vem realizando em Fernando de Noronha em prol da comunidade local, voltadas para a construção de um ambiente mais sustentável.

“Produzimos a embalagem mais sustentável da cadeia de bebidas, as latinhas de alumínio, e temos o objetivo de formar consumidores mais conscientes. Por isso, esse projeto é tão importante. Sabemos que a leitura transformará a vida dessas crianças e que, por consequência, elas levarão esse hábito também para seus familiares, formando uma grande rede de cidadãos mais críticos, informados e cada vez mais engajados com o futuro do nosso planeta”, explica Thaís Moraes, Diretora de Comunicação da Ball América do Sul.

Ao investir na educação e na cultura, o Cantos de Leitura contribui com comunidades para a geração de novos leitores e criação de um espaço para socialização; e faz dos livros uma ponte para possibilitar que seus leitores vejam o mundo de uma nova forma.

Sobre a Ball

 A Ball fornece soluções inovadoras e sustentáveis de embalagens de alumínio para clientes de bebidas, cuidados pessoais e produtos domésticos, bem como aeroespacial e outras tecnologias e serviços, principalmente para o governo dos EUA. A companhia e suas subsidiárias empregam 18.300 pessoas em todo o mundo e registraram vendas líquidas de US$ 11,5 bilhões em 2019.  Para mais informações, acesse www.ball.com e siga o Vá de Lata – movimento em prol da lata de alumínio, a embalagem mais amiga do meio ambiente – no  Instagram e no Facebook.

Rede Educare: - A Rede Educare nasceu em 2008 inspirada pela crença de que é possível transformar a realidade desde que pessoas, empresas, governos e organizações estejam imbuídos do mesmo propósito. Nesses 12 anos, tornou-se referência no Brasil em projetos de impacto social. Em outras palavras, a Rede Educare promove diálogos para modificar vidas.

Especializada em leis de incentivo, atua em todo o Brasil, tecendo encontros entre produtores e empresas que acreditam em cultura, esporte, saúde e ações sociais para realizar projetos inovadores de impacto social. “Hoje temos certeza do nosso propósito. Somos uma empresa diversa, com crenças, força e ideias. Sim, ideias mudam o mundo quando temos pessoas que querem realizar o novo”, comemora Kátia Brasileiro, diretora da Rede Educare.


Fonte: assessoria de imprensa 

Leia Mais ►

Continue lendo...

 Ouvir livros: nova forma de 

entretenimento que só cresce

Veja as 10 obras mais baixadas pelos leitores brasileiros e

 encontre inspiração neste Dia Nacional do Livro

Ouvir livros tem se tornado a nova sensação entre os leitores. Pela praticidade e comodidade de ouvir quando e onde quiser (seja pelo celular, tablet ou computador), essa forma de consumir literatura cativou o público brasileiro.  

Segundo pesquisa realizada pela Nielsen Book e coordenada pelo Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL) e pela Câmara Brasileira do Livro (CBL), o faturamento com eBooks e audiolivros cresceu 140%, no comparativo dos últimos três anos, ou seja, o público consumidor aumentou.

Mas, afinal, qual o audiolivro mais baixado pelos brasileiros? A Tocalivros, plataforma digital com mais de 2 mil audiolivros e 10 mil eBooks, neste Dia Nacional do Livro (29) apresenta o TOP 10 de títulos mais escutados pelos seus usuários.  

Como Convencer Alguém em 90 Segundos

Autor: Nicholas Boothman
Narração: Camilo Brunelli
Duração: 08h13m08s
Selo Editorial: Universo dos Livros
Produção: Tocalivros Studios
Editora: Universo dos Livros
Idioma: Português Brasil
Disponível: Compra, Clube do Audiolivro e Assinatura Ilimitada

Sinopse: Aprenda a liderar, vender, entrevistar, negociar, estabelecer networking, liderar. A chave do sucesso está em convencer as pessoas. O autor e especialista Nicholas Boothman ensina como usar a atitude, o corpo, o rosto e a voz para causar uma primeira impressão marcante e impactante, estabelecendo confiança imediata. Para convencer é necessário criar conexões de significado. Pratique os exercícios e você se tornará um verdadeiro mestre nas habilidades interpessoais para conseguir qualquer coisa nos negócios ou na vida pessoal. Escute e acompanhe o especialista Nicholas Boothman na série completa de exercícios extras indicados.


Mais Esperto que o Diabo
Autor
: Napoleon Hill
Narração: Daniel Vidal, Cristopher Araujo
Duração: 06h59m01s
Produção: Tocalivros Studios
Editora: Citadel Grupo Editorial
Idioma: Português Brasil
Disponível: Compra, Clube do Audiolivro e Assinatura Ilimitada

Sinopse: Napoleon Hill revela que quebrou o código mental do diabo e o forçou a confessar os seus segredos. O manuscrito que resultou deste feito “Mais Esperto que o Diabo”, mostrou-se tão controverso que acabou escondido por mais de 70 anos. Usando sua habilidade legendária para chegar à raiz do potencial humano, Hill cava profundamente para identificar os maiores obstáculos que enfrentamos na busca de nossas metas pessoais, incluindo o medo, procrastinação, a raiva e a inveja, como ferramentas orquestradas pelo próprio diabo.


1808
Autor
: Laurentino Gomes
Narração
: Daniel Vidal
Duração: 11h23m00s
Produção: Tocalivros Studios
Editora: GloboLivros
Disponível: Compra, Clube do Audiolivro e Assinatura Ilimitada

Sinopse: Considerada por muitos historiadores como a mais importante decisão tomada pelo príncipe regente e futuro rei Dom João VI durante os treze anos de permanência da corte portuguesa no Rio de Janeiro, a efetivação do Reino Unido colocou um ponto final no período colonial brasileiro e deu início de fato ao processo de Independência do país. É o terceiro e último volume da trilogia do autor sobre as três mais importantes datas da construção do Brasil durante o Século XIX, que inclui ainda 1822, sobre a Independência.

 

O Curioso Caso de Benjamin Button
Autor: Francis Scott Fitzgerald
Narração
: Camilo Brunelli
Duração: 01h09m53s
Editora
: Grupo Oxigênio
Produção: Tocalivros Studios
Idioma: Português Brasil
Disponível: Compra, Clube do Audiolivro e Assinatura Ilimitada

Sinopse: escrito em 1922, o livro conta a história de Benjamin Button, que nasceu com a aparência de um homem idoso. Conforme cresce, Benjamin vai rejuvenescendo e vivendo experiências como o amor, a solidão, a perda e o medo. O autor declarou que o conto era de um de seus mais preciosos escritos. Esse mesmo trabalho inspirou o filme O Curioso Caso de Benjamin Button.

A Hora e Vez de Augusto Matraga
Autor: Guimarães Rosa
Narração
: Rubens Caribé e Priscila Scholz
Duração: 02h09m27s
Selo Editorial
: Global Editora
Produção: Tocalivros Studios
Idioma: Português Brasil
Disponível: Compra, Clube do Audiolivro e Assinatura Ilimitada

Sinopse: O conto que encerra o livro Sagarana traz a história de um homem sertanejo acostumado a se impor pela força em seu cotidiano. Nhô Augusto é a perfeita síntese do mandonismo local que se fez presente em tantas cidades brasileiras durante o século XX. Manejando de forma magistral o dilema universal entre o bem e o mal, João Guimarães Rosa construiu um enredo surpreendente que leva os leitores a refletir acerca de seus instintos.

Perto do Coração Selvagem
Autora: Clarice Lispector
Narração
: Priscila Scholz
Duração: 07h16m18s
Selo Editorial
: Editora Rocco
Produção: Tocalivros Studios
Idioma: Português Brasil
Disponível: Compra e Clube do Audiolivro 

Sinopse: escrito em 1944, o livro mostra o cotidiano de Joana, menina criada pelo pai, já que a mãe, Elza, morrera muito cedo. Passados alguns anos, seu pai também morre e então ela vai morar com a irmã de seu pai.


Laços de Família
Autora: 
Clarice Lispector
Narração: 
Adelia Nicolete
Duração:
 05h14m54s
Produção: 
Tocalivros Studios
Editora: 
Editora Rocco
Idioma:
 Português Brasil
Disponível: 
Compra e Clube do Audiolivro

Sinopse: O texto de Clarice Lispector costuma apresentar ilusória facilidade. Seu vocabulário é simples, as imagens voltam-se para animais e plantas, quando não para objetos domésticos e situações da vida diária, com frequência numa voltagem de intenso lirismo. Mas que não se engane o leitor. Em poucas linhas, será posto em contato com um mundo em que o insólito acontece e invade o cotidiano mais costumeiro, minando e corroendo a repetição monótona do universo de homens e mulheres de classe média ou mesmo o de seres marginais.

Guerra dos Tronos
Autor George R.R. Martin
Narração
: Zeza Mota, Daniel Vidal e Elenco
Duração: 37h17m11s
Selo Editorial
: Suma
Produção: Tocalivros Studios
Editora: Companhia das Letras
Idioma: Português Brasil
Disponível: Compra e Clube do Audiolivro

Sinopse: O verão pode durar décadas. O inverno, toda uma vida. E a guerra dos tronos (game of thrones) começou. Como Guardião do Norte, lorde Eddard Stark não fica feliz quando o rei Robert o proclama a nova Mão do Rei. Sua honra o obriga a aceitar o cargo e deixar seu posto em Winterfell para rumar para a corte, onde os homens fazem o que lhes convém, não o que devem... e onde um inimigo morto é algo a ser admirado.


Jack, o Estripador em Nova York
Autor Stefan Petrucha
Narração
: Lucas Romano
Duração: 11h28m42s
Selo Editorial
: Vestígio
Produção: Grupo Autêntica
Editora: Grupo Autêntica
Idioma: Português Brasil
Disponível: Compra, Clube do Audiolivro e Assinatura Ilimitada

Sinopse: Carver Young sonha ser um detetive, apesar de ter crescido num orfanato, tendo apenas romances policiais e a habilidade de abrir fechaduras para estimulá-lo. Entretanto, ao ser adotado pelo detetive Hawking, da mundialmente famosa Agência Pinkerton, Carver não só tem a chance de encontrar seu pai biológico como também se vê bem no meio de uma investigação de verdade, no encalço do cruel serial killer que está deixando Nova York em pânico total.

Do que os Homens Têm Medo
Autora: Sonia Rodrigues
Narração
: Priscila Scholz
Duração: 03h29m53s
Selo Editorial
: Independente
Produção: Tocalivros Studios
Idioma: Português Brasil
Disponível: Compra, Clube do Audiolivro e Assinatura Ilimitada

Sinopse: Cinco contos que abordam com primor os mistérios que envolvem as relações de amor. Entre fantasias, traições e desejos, este livro apresenta um panorama profundo do que os sentimentos representam na vida das pessoas.

Todos os audiolivros citados estão presentes no aplicativo da Tocalivros, que está disponível para iOS e Android pela Apple Store e Google Play, além do site www.tocalivros.com


Fonte: assessoria de imprensa 

Leia Mais ►

Continue lendo...

Siga-me por Email