Lançamento: Nietzsche, o filósofo da suspeita, de Scarlett Marton



Ao longo dos tempos, o pensamento de Nietzsche foi evocado pelos mais diferentes grupos e para os mais diversos fins. As divergências sempre marcaram as interpretações sobre esta obra polêmica. Para alguns, Nietzsche foi um dos precursores do nazismo, enquanto para outros é encarado com um pensador dos mais revolucionários. Há quem acredite que ele defendeu o ateísmo; e quem afirme que não passava de um cristão ressentido.

Há ainda os que viram em Nietzsche o inspirador da psicanálise e os que o têm como verdadeiro crítico da ideologia. Trata-se de um autor misógino? De um pensador iconoclasta? De um autor,
sobretudo, contraditório? Em Nietzsche, o filósofo da suspeita, de Scarlett Marton, todas essas visões e divergências se encontram, provocando uma reflexão consistente e original. O livro inaugura a Coleção Casa do Saber, que terá este ano outros quatro lançamentos.

Com notável objetividade e conhecimento de especialista, Scarlett Marton, professora titular de Filosofia Contemporânea da USP, desenvolveu um trabalho que conduz o leitor por uma trajetória pontuada por um dos mais notáveis traços nietzschianos: o questionamento permanente. Dessa maneira, a autora recupera – a partir de uma ampla seleção de fontes – interpretações que tomaram o debate filosófico em diferentes momentos, colocando-as lado a lado e apresentando um olhar que desafia lugares-comuns, enfrenta preconceitos, aponta novos caminhos.

“Nenhum outro pensador suscitou, seja por sua vida ou por suas ideias, tanto interesse e curiosidade. Antes de tudo, Nietzsche não queria ser confundido. Para sua surpresa e horror, tanto antissemitas quanto anarquistas se diziam seus adeptos. Ao longo das décadas, será evocado por socialistas, nazistas e fascistas, cristãos, judeus e ateus. Pensadores e literatos, jornalistas e homens políticos terão nele um ponto de referência, atacando ou defendendo suas idéias, reivindicando ou exorcizando seu pensamento. Dessa perspectiva, quem julgou compreendê-lo equivocou-se a seu respeito; quem não o compreendeu julgou-o equivocado”, aponta Scarlett, na apresentação da obra.

O livro conta também com uma biografia intelectual do filósofo e indicações de leitura, onde Scarlett comenta estudos, traduções e edições, guiando o leitor para mergulhos mais profundos na obra nietzschiana. Assim, para os iniciantes, Nietzsche, o filósofo da suspeita garante a entrada no universo do pensador com uma orientação privilegiada. Para os já familiarizados, o livro se apresenta como um caminho original de interpretação e descobertas. Já os especialistas descobrirão na obra uma interlocução estimulante e desafiadora. Esse é um dos grandes méritos da publicação – a capacidade de um diálogo plural.

Por este caminho, o livro reflete a própria vocação da Casa do Saber nesses 6 anos de atividade: apresentar com rigor e de forma clara e acessível temas relevantes para o mundo contemporâneo, tendo o permanente compromisso de estimular a reflexão e expandir o conhecimento.

“Nietzsche, filósofo da suspeita, convida o leitor a pôr continuamente em causa seus preconceitos, crenças e convicções”, afirma Scarlett Marton.  O convite está feito.

A coleção Casa do Saber, uma parceria entre a instituição e a editora Casa da Palavra, terá quatro novos títulos lançados este ano: O conhecimento de si, de Franklin Leopoldo e Silva, O vazio e seus universos, de Luiz Alberto Oliveira, Grandes publicitários, com organização de Celso Loducca, e Grandes advogados, com organização de Pierre Moreau. Com a iniciativa, a Casa do Saber amplia sua missão de disseminar o conhecimento através do prazer de pensar.

Scarlett Marton é professora titular de Filosofia Contemporânea da Universidade de São Paulo. É autora de Nietzsche, das forças cósmicas aos valores humanos; Extravagâncias; Nietzsche, seus leitores e sua leitura e A irrecusável busca de sentido – Autobiografia intelectual, dentre vários outros. Publicou ainda ensaios em livros e revistas especializadas no Brasil e em diversos países da Europa e da América. Fundou o GEN – Grupo de Estudos Nietzsche e criou os Cadernos Nietzsche. Faz parte do GIRN – Groupe International de
Recherches Nietzschéennes.

Serviço:
Lançamento: Nietzsche, o filósofo da suspeita
Data: 30 de junho, quarta-feira, a partir das 19h30
Local: Casa do Saber – Unidade Jardins - R. Dr. Mário Ferraz, 414 – Jardins

Siga-me por Email