O livro dos negócios

Lançamento da coleção As grandes ideias de todos os tempos revela como a troca de bens e serviços evoluiu  como atividade geradora de progresso e riqueza





O ser humano provavelmente pensa em negócios desde que aprendeu a se comunicar. Fazer trocas daquilo que temos por aquilo que queremos é uma atividade tão antiga quanto a própria ideia de posse. Em sua gênese está o impulso civilizatório: aprender a negociar fez com que nossos ancestrais deixassem de usar a força para tomar dos outros as coisas de que precisavam para viver. Foi um triunfo da comunicação sobre a violência, da sofisticação mental sobre a brutalidade física.

O livro dos negócios - mais um título da coleção As Grandes Ideias de Todos os Tempos, da Globo Livros - trata justamente dessa atividade inerentemente humana e seu poder transformador ao longo da história. Pesquisada e escrita por uma equipe de especialistas que reúne acadêmicos e autores de livros de negócios, a obra combina leveza e didatismo numa abordagem transversal da infinidade de temas relacionados aos negócios: da conversão de uma ideia em atividade rentável às habilidades de liderança e aos recursos humanos; da gestão financeira às estratégias empresariais; do marketing à produção e à pós-produção.

Assim como nos demais volumes da coleção - os best-sellers O livro da filosofia, O livro da psicologia, O livro da economia, O livro da política e O livro das religiões -, a criteriosa seleção de assuntos vem embalada num projeto editorial dinâmico, que convida à leitura. Gráficos ilustram conceitos-chave como mapeamento de mercado, mix de marketing e big data, enquanto esquemas lógicos destrincham as lições ocultas sob máximas consagradas ("o marketing é importante demais para ser deixado nas mãos do departamento de marketing", por exemplo).

Pequenos boxes espalhados pelas páginas contêm perfis de personalidades do moderno mundo dos negócios - dos capitães da indústria John Rockfeller e Henry Ford a Jack Welch e Steve Jobs, além de pensadores e estudiosos da área, como Theodore Levitt e Peter Drucker. Ao final do volume, um diretório lista uma série de personalidades das mais diversas áreas (designers industriais, líderes inspiradores, gurus de gestão, psicólogos e engenheiros, entre outros), cujas realizações exerceram impacto sobre o ambiente empresarial. O texto também reconhece a importância do trabalho de brasileiros como Roberto Civita e Ricardo Semler.

Obra de consulta útil na mesa de estudantes de administração de empresas, marketing e economia, O livro dos negócios é um suporte teórico obrigatório tanto para quem pensa em abrir uma empresa própria quanto para empreendedores já em plena atividade. Não se trata, porém, de uma obra para públicos exclusivos. A clareza com que os assuntos são apresentados torna a leitura atraente inclusive para leitores leigos - afinal os negócios desde sempre têm exercido influência determinante no modo como vivemos e nos relacionamos em sociedade.


Outros títulos da coleção As grandes ideias de todos os tempos:

O livro da filosofia
O livro da psicologia
O livro da economia
O livro da política
O livro das religiões



Próximo lançamento

O livro das ciências

Ficha técnica


Título: O livro dos negóciosAutor: vários

Tradução: Rafael Longo
Páginas: 352
Formato: 19,5 x 23,5 cm
Gênero: referência
ISBN: 978-85-250-5706-8
Preço: R$ 59,90
Editora: Globo Livros

Fonte: Assessoria de imprensa


Siga-me por Email