**Recebemos na redação 

Gatos e doces convivem no faz-de-conta da cozinha de Patavina

A dona dessa casa especial prepara doces com muito carinho, na companhia de seus sete gatinhos


Na esquina das ruas Alcaçuz e Brigadeiro, existe uma casa com muitos habitantes, que adoram os doces que a dona, Patavina, faz com muito esmero.

Lançamento da Editora do Brasil, Patavina é uma história cheia de açúcar e faz-de-conta, na qual os sete gatos que moram na casa são tratados a pão-de-ló e outras delícias. O pequeno leitor vai conhecer os gatos de Patavina e saber, um a um, como são e do que gostam – principalmente quando ela está em sua cozinha, sempre perfumada por canela, noz-moscada e chocolate.

Pastel de nata é uma gata angorá muito alva, que adora quando Patavina faz pudim de claras com caramelos crocantes. Já o gato mais antigo, Crême Brûlée, é um siamês requintado, de olhos amendoados, que adora banana flambada e goiabada no recheio do suflê.

A narrativa leve e cheia de ritmo da autora, Penélope Martins, transporta o leitor a um mundo de lembranças e aromas de doces e texturas – e ainda ensina uma receita para que o leitor, acompanhado sempre por um adulto, faça em sua própria casa, para que ninguém fique sem um bocadinho. As ilustrações de Rosinha, coloridas e ricas, dão vida aos gatos de Patavina e à sua cozinha, da qual sempre sai um doce bom.

 

Sobre Penélope - Mora em Santo André, São Paulo. Em sua casa não faltam bolo de chocolate, poesia e pudim de pão. Já escreveu mais de dez livros, além de textos em jornais e revistas. Quando escreve para crianças, mistura palavra, ritmo e melodia e acredita que os livros ajudam a gente a viver com valentia. Penélope adora gatos, cachorros, plantas e rimas. Tem quatro gatos – Nina Simone, David Bowie, Luna Lovegood e Lilly Potter.

 

Sobre Rosinha - Nasceu no Recife e mora em Olinda, Pernambuco. Formou-se em Arquitetura pela Universidade Federal de Pernambuco, mas se apaixonou pela literatura infantojuvenil e passou a se dedicar à ilustração. Lançou seu primeiro livro em 1994, Som coração. Desde então, caminha entre imagens e palavras, como em seu lançamento de 2019 pela Editora do Brasil, Minha Pasárgada. Já lançou mais de 110 livros para crianças e ganhou prêmios como White Ravens, Jabuti e Açorianos. Em sua casa, moram os gatos Huguinho, Zezinho e Luisinho.


Sobre a Editora do Brasil: a Editora do Brasil busca, há mais de 75 anos, renovar produtos e serviços que levem aos milhares de educadores e alunos do Brasil conteúdos atuais e materiais de qualidade. Nos quatro cantos do país, professores e gestores utilizam nossos livros e têm acesso a um projeto didático comprometido com a ética e com uma educação cada dia melhor. O compromisso da Editora do Brasil é com o dinamismo do conhecimento e com a educação que transforma e é transformada. Mais que nunca, posiciona-se ao lado dos educadores, observando, analisando e discutindo os novos desafios do ensino em nosso país.


Fonte: assessoria de imprensa 


Siga-me por Email